• Diair Portes

Culturas de Inverno


Rentabilidade e preparar o solo para a próxima safra. Essa é a frase que o cooperado Sergio Antonio Klemba usa para falar do trigo. Morador de Campo Redondo, interior de Araucária, o produtor neste ano plantou duas culturas de inverno: o trigo com plantio de 40 alqueires e 4 alqueires de cevada, novidade na região. “Com o trigo trabalho há nove anos e a cevada já plantei no passado e neste ano retomo o plantio, pois acho que pode ser mais uma alternativa rentável durante o inverno”, comenta Sergio.

Com mais de 20 anos de cooperativa, o agricultor diz que ”tudo vai depender de boas condições do tempo para a safra ser boa e acredito que a produtividade que espero será alcançada”.

Sergio que também já trabalhou com batata, feijão e aveia, recomenda aos agricultores plantarem cevada, porque além da cobertura para o solo e proteção da terra, pode se tornar futuramente uma nova fonte de renda e a produtividade é maior que o trigo. “Para a produção ter boa qualidade é preciso realizar as rotações de culturas e no inverno semear trigo, cevada, azevém ou aveia colabora para a próxima safra, além de proteger o solo e ter outra fonte de renda nesse período do ano”, diz o cooperado.

Em regiões tropicais como o Brasil, onde as condições de solos e clima permitem uma agricultura mais intensiva, é essencial o estabelecimento de manejos conservacionistas para garantir a sustentabilidade da agricultura.

Nesse sentido, algumas práticas agrícolas, envolvendo o manejo do solo, a adubação verde, a adubação orgânica, a rotação e a sucessão de culturas, entre outras, passam a ter maior importância.

Na próxima edição da Revista Bom Jesus você confere a reportagem completa sobre culturas de inverno.

Saiba mais...

As culturas de inverno são importantes para o produtor que busca principalmente manter ou melhorar o potencial produtivo de suas áreas. Independente se vai cultivar uma cultura com finalidade econômica, como o trigo, a cevada ou uma forrageira, os benefícios do cultivo são facilmente percebidos.

Trigo: A safra, estimada pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), prevê um crescimento de 3% na produção de trigo no Paraná, totalizando 3,96 milhões de toneladas. Se confirmado, o volume representará um crescimento de 4% em relação a 2014, mesmo com área 5% menor em 2015. Já a expectativa para a produtividade é de um aumento de 9%, chegando a 2.991 quilos por hectare.

#bomjesus #cooperativismo #trigo #cevada #culturadeinverno #agricultura #araucária

ENTRE EM CONTATO

Rodovia do Xisto, Br-476,Km-198, s/nº - Olaria

Lapa/PR 83.750-000  Fone: (41) 3622-1515

bomjesus@bj.coop.br

 ©‎ Todos os direitos reservados | Cooperativa Agroindustrial Bom Jesus - Tradição, Respeito e Constante Evolução