Cooperados prezam pela qualidade do leite

11/12/2015

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE divulgou em outubro os dados da Pesquisa Pecuária Municipal, com informações sobre a produção brasileira de leite em 2014. Conforme as informações, a produção de leite foi de 35,17 bilhões de litros, representando um aumento de 2,7% em relação à registrada no ano anterior. De acordo com o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos - USDA, o Brasil ocupou a quinta posição no ranking mundial de produção no ano passado.

 

Colaborando com os resultados da produção nacional, Oscar Pereira Nizer, morador de Rio das Pedras em São Mateus do Sul, há quatro anos tem como atividade principal o leite. Junto com sua esposa Irene, eles ordenham treze animais das raças holandesa e jersey e tem uma produção média de 240 litros por dia. “Uma das vantagens desse trabalho é a renda mensal, nós tocamos a leiteria sem a necessidade de mão de obra, cuja oferta diminuiu na região. É um serviço gratificante e nos faz bem”, diz Irene.

 

Os cooperados prezam pela qualidade do produto. O casal sempre está entre os primeiros do ranking do leite. Todo processo é realizado com zelo e cuidado, buscando o resultado positivo, desde a preparação da alimentação do rebanho, manejo e ordenha. “O gado é alimentado com a Ração Bom Jesus* e silagem, a qual é preparada com antecedência e armazenada. Também fizemos investimentos para melhorar as pastagens. A chuva pode cair, mas pelo pasto ser bom ele não perde a qualidade e vigor e está sobrando nos piquetes”, comenta Oscar.

 

“Quando a cooperativa iniciou as atividades com o leite na região de São Mateus do Sul, o Sr Oscar foi o quarto produtor a participar do projeto”, comenta Celso Pinheiro Filho, colaborador da Bom Jesus. Mas a história com a cooperativa é antiga. Sócio desde 1991 ele guarda a carteira de associado junto com seus documentos pessoais. “Faz parte de mim, da minha vida”, finaliza o cooperado.

 

 

 

 

Celso Pinheiro Filho, colaborador da Bom Jesus, o casal Oscar e Irene, e Gabriella Goslar, colaboradora da Bom Jesus.

 

 

Saiba mais…

Ração Bom Jesus*: A Ração Bom Jesus, após o processo de industrialização da Fábrica de Rações da cooperativa, passa a utilizar a Marca Fibra e passa a se chamar Rações Fibra.

 

Please reload