Última estimativa de safra no Paraná confirma redução por problemas climáticos

29/04/2016

 

O levantamento divulgado na última quinta-feira (28/04) pelo Departamento de Economia Rural (Deral), vinculado à Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Paraná (Seab), reduz a estimativa para a safra de grãos 2015/16. Agora são previstos 37,735 milhões de toneladas, redução de 1% em comparação à produção da temporada 2014/15. O número também está abaixo da expectativa inicial de 38,5 milhões. “Essa redução de 1% ainda é muito pequena porque continua sendo uma grande safra”, afirma a nota técnica do Deral.

 

A queda na projeção se deve ao excesso de chuva que prejudicou a colheita de soja e aos problemas com o milho safrinha causados pelo calor e temperaturas acima da média para o mês de abril.

 

Soja

Para a soja, a estimativa de produtividade é calculada em 53 sacas por hectare, abaixo das 55,4 sacas colhidas na safra passada. Com isso, a produção deve ficar em 16,745 milhões de toneladas, contra 16,957 milhões há um ano. As regiões noroeste e norte do Paraná registraram as maiores perdas.

 

Milho

No caso do milho safrinha, apesar da redução de 6% na produtividade em decorrência da estiagem que atingiu parte do Estado em abril, estimada em 93,7 sacas por hectare (número abaixo das 100 sacas por hectare do ano passado), a produção deve superar as 11,569 milhões de toneladas e está calculada em 12,398 milhões, a maior da história.

Please reload