Produtividade do trigo deve ser maior na Região Sul apesar de redução na área

09/05/2016

Com o início da safra 2016/17 de trigo, a Região Sul, responsável por 90% da produção brasileira do cereal deve ter a área de plantio reduzida. No Paraná a área de cultivo deve 11% menor e no Rio Grande do Sul, a queda pode chegar a 15%. Em contrapartida, são esperadas produtividades 25% acima daquele observada na última safra.

 

A explicação para as projeções otimistas é o clima favorável aos cultivos de inverno que está previsto para os próximos meses. De acordo com a Soma Meteorologia. O El Niño, responsável pelos prejuízos nas duas últimas safras, está encerrando seu ciclo, afastando com isso o risco de umidade e excesso de chuva nos cultivos de inverno.

 

A previsão é de um ano neutro ou com a chegada da La Niña no segundo semestre. Um cenário bastante favorável para a triticultura na Região Sul, já que o tempo seco diminui o risco de doenças fúngicas e a germinação na pré-colheita, fatores que deverão resultar em maior rendimento e melhor qualidade final dos grãos.

 

De acordo com a informação. o ano com clima neutro também pode resultar em economia com defensivos, quando há menor incidência de doenças e, assim, demandar menor investimento em proteção de plantas.

 

Please reload