Leite: Produtores tem qualidade de vida com a atividade em São Mateus do Sul

25/08/2016

Luci Adriane Karpinski Uniewsky e o Sandro fazem parte da Linha Leite da Cooperativa Bom Jesus desde 2014. Com uma produção média de 156 litros de leite por dia da ordenha de 10 animais, a alimentação do rebanho é silagem, ração e pastagens na forma de piqueteamento.

 

Moradores da localidade da Água Branca, interior de São Mateus do Sul, o casal orienta a quem deseja ingressar nesse ramo que “a primeira coisa a fazer nessa atividade é um curso sobre manejo de gado leiteiro. Esse curso ensina as técnicas de trabalho na propriedade, dá orientações sobre pastagens e assuntos voltados ao dia a dia do produtor”, diz Luci, que também participa do Núcleo Feminino da Bom Jesus desde 2015.  

 

Pensando no futuro o casal está ampliando as instalações rurais para aumentar a produção daqui um tempo. Além do leite a família desenvolve atividades com fumo e soja. “Futuramente a ideia e o nosso projeto é ficar somente nesta atividade. Conseguimos a qualidade de vida no campo a partir do momento que começamos a trabalhar com leite”, comenta Sandro.

 

 

Linha Leite Cooperativa Bom Jesus

A produção de leite, segundo o IBGE, totalizou mais de 24,05 bilhões de litros em 2015. A região Sul do país possui as microrregiões mais expressivas, com volume acima de 60 mil litros por quilômetro quadrado ao ano.

 

Em 2015 foram captados nas cidades onde a Bom Jesus fomenta a produção leiteira mais de 24 milhões de litros de leite. Segundo dados da Pesquisa Pecuária Municipal do IBGE, a produção de leite do Brasil cresceu 2,7% em 2014, chegando a 35,2 bilhões de litros produzidos.

 

Please reload