Milho: safrinha deve crescer 5% e alcançar 11,1 milhões de hectares

A consultoria AgRural concluiu na semana passada a sua primeira estimativa de intenção de plantio de milho na safrinha 2017. A expectativa é de que a área brasileira cresça 5%, para recordes 11,1 milhões de hectares.

 

Combinada à linha de tendência de produtividade, essa área resulta em produção potencial de 59,9 milhões de toneladas, o que coloca a produção total 2016/2017 de milho do Brasil (safra de verão e safrinha) em 88,3 milhões de toneladas, com aumento de 33% em relação à safra 2015/2016, quando houve quebra da segunda safra por estiagem, e de 4% na comparação com o ciclo 2014/15.

 

Em termos relativos, o avanço de área entre os principais estados produtores é puxado pelo Paraná, que tem aumento estimado em 6%. Em seguida aparecem Mato Grosso e Goiás, com 4% cada. “Apesar da perspectiva de recuo dos preços domésticos do milho tão logo a situação de oferta se normalize (o que deve acontecer caso a safrinha venha cheia), os valores ainda relativamente firmes oferecidos pela saca, causados pela escassez vivida em 2016, estimulam os produtores a ampliar a área”, afirma a AgRural.

 

Plantio da safrinha

O plantio acelerado e o bom andamento da safra de soja, que reforçam a expectativa de colheita rápida e boa janela para o plantio da safrinha, também estimulam o avanço da área de milho. O tamanho final da área, porém, dependerá em grande medida das condições climáticas durante o plantio, entre janeiro e março.

 

Please reload