SOMOS AGRO: papel ambiental é destaque na sustentabilidade dos negócios

03/12/2019

 

O papel do produtor rural e da Cooperativa vai além de uma propriedade ou estruturas como lojas e silos. Conforme vimos no último material da campanha “Somos Agro” da Cooperativa Bom Jesus, a sustentabilidade dos negócios passa por três ramos distintos: ambiental, social e econômico.

 

Quando tratamos do aspecto ambiental é importante entender os fatores históricos e como está o contexto atual. Um exemplo que trouxemos na matéria anterior foi sobre o uso de terras no Brasil, na qual o aumento é baixo comparado a produtividade obtida nos campos através da tecnologia empregada na agricultura. Neste sentido o uso de terra no Brasil mostra como funciona, segundo dados da Nasa em parceria com a Embrapa, o Brasil possui 66,3% do seu território preservado, sendo destes 25,6% em propriedades rurais. Outro número que impressiona é em relação as áreas destinadas as lavouras, sendo 7,8% do território brasileiro, para uma produção estimada em 238,5 milhões de toneladas em 2020, segundo o primeiro prognóstico do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA), divulgado no dia 13 de novembro pelo IBGE. Confira o gráfico abaixo para entender esses números:

 

 

 

A Cooperativa Bom Jesus também promove ações com os cooperados no intuito de melhorar o direcionamento de embalagens de defensivos agrícolas usadas. Com o título “Recebimento de Embalagens de Defensivos Agrícolas”, e em parceria com as empresas Acodevali e Assipar, de São Mateus do Sul e Contenda, respectivamente, o intuito é transformar as embalagens usadas em novas. Esse modelo é chamado de ‘sistema reverso’. Todas unidades da Bom Jesus promovem duas coletas ao ano para facilitar essa logística para o produtor. Além disso os produtores realizam nas propriedades a tríplice lavagem, na qual inutiliza as embalagens e encaminha para as empresas para dar o destino correto.

 

Outra ação realizada pela Cooperativa e cooperados foi em conjunto com o grupo de jovens. O “Renascer” (Recuperação e Manutenção de Nascentes) promove na região a recuperação de nascentes e preservação do entorno. Essa ação foi reconhecida pela OCB e conquistou o 3º lugar no prêmio Cooperativa do Ano, em 2015, e único projeto paranaense na Revista Saber Cooperar, no ano de 2018. Além disso a ação ganhou parcerias com a Petrobrás, UEPG e Secretária de Agricultura de São Mateus do Sul. Ganhou Selo Verde do Jornal do Meio Ambiente do Estado de São Paulo e um documentário, disponível no Youtube, com passou em festivais na Albânia, Venezuela, Portugal, Espanha, entre outros países. No ano de 2019 o Sicredi Integração participou de ações na região. Veja abaixo o documentário Renascer:

 

 

 

Entre outras ações, destacamos o cuidado na agricultura com o uso de defensivos agrícolas, na qual os técnicos da Cooperativa são instruídos para repassar aos produtores as tecnologias mais bem adaptadas na região, com doses corretas para evitar resíduos. O uso de defensivos auxilia o produtor no combate a pragas, doenças e concorrência de plantas daninhas e, com isso, importante para gerar renda na economia local. Mas a cooperativa já tem vários estudos com o uso de defensivos biológicos que trazem resultados satisfatórios e com baixa, ou nenhuma, ação de defensivos tradicionais no mercado. Isso é tecnologia de aplicação.

 

A Bom Jesus está ao lado do produtor e tem papel fundamental na região para proporcionar crescimento regional.   

Please reload